Novas concessões de crédito caem 3% em outubro no país com crise

As novas concessões de crédito oferecidas pelo bancos no país caíram 3 por cento em outubro ante setembro, período em que o agravamento da crise financeira mundial passou a gerar efeitos mais diretos sobre o mercado brasileiro. De acordo com levantamento do Banco Central divulgado nesta terça-feira, as novas operações somaram 157,3 bilhões de reais no mês passado, frente a 162,2 bilhões de reais em setembro. Nos últimos 12 meses encerrados em outubro, a taxa de crescimento das novas concessões de crédito no Brasil foi de 6,5 por cento, uma queda em relação à taxa acumulada até setembro, de 27,3 por cento. O estoque total de crédito do sistema financeiro, no entanto, permaneceu em alta, com aumento de 2,9 por cento em outubro para 1,186 trilhão de reais. O saldo das operações corresponde a 40,2 por cento do Produto Interno Bruto (PIB) do país. Em setembro, o saldo das operações de crédito do sistema financeiro representavam 39,2 por cento do PIB. (Reportagem de Isabel Versiani)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.