Número de casos de dengue cresce 45% no País em 2007

Governo planeja nova estratégia de publicidade para conscientizar para a prevenção da doença

04 de setembro de 2007 | 19h31

Nos sete primeiros meses deste ano, o Brasil registrou 438.949 casos de dengue, o que representa aumento de 45,13% em relação ao mesmo período de 2006, quando 302.461 pessoas tiveram a doença.   Os Estados do Mato Grosso do Sul, Paraná e Rio de Janeiro, em números absolutos, concentram mais de 85% do aumento do número de casos registrados (136.488). A informação, divulgada nesta terça-feira, 4, é do ministério da Saúde.   Leia também:  Estado de SP reage para conter surto recorde de dengue   Estudo encomendado pelo ministério da Saúde sobre campanhas publicitárias de dengue mostra que, em 96% dos entrevistados a amostra nacional, o entrevistado recordava-se das campanhas, quando era estimulado.    "Neste ano, o ministério da Saúde fará uma campanha descentralizada, com importantes parceiros, como o Banco do Brasil, Caixa e Aneel, que nos ajudará a levar informações em mensagens dos bancos e constas de consumo", afirmou Gerson Penna, secretário de Vigilância em Saúde.   Com a revisão da estratégia de publicidade e outras medidas que estão em curso, o Ministério da Saúde espera reduzir significativamente o número de mortes por dengue no País. Mato Grosso foi o Estado com maior número de casos, com 72.183, ou 16,4% do total de notificações.   A dengue ocorre principalmente entre os meses de janeiro e maio, pelas condições climáticas favoráveis ao mosquito transmissor, o Aedes aegypti, nessa época do ano.   Desde 1986, quando a doença foi introduzida no País, em todos os anos há registro de casos, com a ocorrência de picos epidêmicos durante esse período, relacionados com a chegada de um novo subtipo do vírus da dengue.   Para evitar surtos no próximo verão, o ministério da Saúde, em parceria de estados e municípios, está promovendo ações de prevenção à doença nos meses de outubro e novembro, período que antecede o verão.

Tudo o que sabemos sobre:
dengueepidemiasaúdeministério

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.