O.J. Simpson é preso por violar termos da liberdade condicional

Ex-astro do futebol americano será julgado por assalto à mão armada em abril.

Peter Bowes, BBC

11 de janeiro de 2008 | 21h35

O ex-astro do futebol americano O. J. Simpson foi preso no Estado americano da Flórida por suposta violação das condições de sua liberdade condicional, obtida enquanto ele aguarda julgamento num caso de roubo.Simpson deverá comparecer diante de um juiz em Las Vegas na próxima semana para audiência sobre a violação, concedida mediante fiança de US$ 125 mil.Alega-se que o ex-atleta telefonou para um de seus supostos cúmplices no caso, o que é proibido sob os termos da libertade condicional. Identificando-se como 'Miguel', Simpson teria expressado frustração com o depoimento do outro réu em uma audiência preliminar.O. J. Simpson, de 60 anos, foi preso em setembro por alegações de que, juntamente com outros homens armados, roubou dois vendedores de artigos esportivos para colecionadores em um quarto de hotel em Las Vegas.O ex-atleta nega as acusações e deve ser julgado em abril junto com outros dois homens. Ele diz que estava apenas tentando recuperar artigos que lhe pertenciam.Apesar de já ser bastante conhecido nos Estados Unidos, foi em 1994 que o ex-jogador foi catapultado à fama mundial, quando foi acusado de assassinar sua ex-mulher, Nicole Brown Simpson, e um amigo dela, Ronald Goldman.Embora tenha sido inocentado das acusações de homicídio, Simpson foi condenado a pagar uma indenização às famílias das vítimas.Além de ter sido um jogador de futebol americano de bastante sucesso, O. J. Simpson trabalhou como comentarista de TV e ator de cinema.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
o j simpsoneuausacrimefianca

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.