Ônibus de SP e RJ já viajam com diesel menos poluente

Veículos podem ser abastecidos com o diesel S50, que tem 50 ppm de enxofre

Paulo Maciel, Agência Estado

06 Janeiro 2009 | 07h19

A primeira fase do acordo judicial firmado entre Ministério Público Federal (MPF), empresas e órgãos federais para redução do nível de enxofre do diesel vendido no Brasil está sendo cumprido. De acordo com os sindicatos de empresas de transporte coletivo de São Paulo e Rio de Janeiro, os ônibus que circulam nas duas maiores cidades do País já estão sendo abastecidos com um combustível menos poluente e com quantidade de enxofre 90% menor do que o utilizado até o final de 2008.Firmado em setembro, o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) estipula que as frotas de ônibus dos dois municípios são as primeiras a usar o diesel menos poluente, sundo informou a Agência Brasil. Desde 1º de janeiro, eles não podem mais rodar com o combustível tipo S500 - com 500 partes de enxofre por milhão de partes (ppm) de diesel. Só podem usar o diesel S50 - com 50 ppm de enxofre. Somente em São Paulo são 8.400 ônibus que são utilizados no transporte coletivo da cidade.As próximas fases do TAC prevê para 1º de maio a substituição de todo diesel vendido em Belém, Fortaleza e Recife. A partir de agosto, será a vez da substituição do diesel dos ônibus que rodam em Curitiba. As informações são da Agência Brasil.

Mais conteúdo sobre:
meio ambientedieselRJSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.