Operação apreende 752,5 t de madeira no interior de SP

Em dois dias, a Polícia Militar Ambiental e técnicos do Instituto Florestal da Secretaria do Meio Ambiente paulista apreenderam 752,5 toneladas de madeira em situação irregular em oito madeireiras de Campinas, Sorocaba, Araçatuba e Ribeirão Preto, todas no interior de São Paulo. A operação, intitulada Primavera, ocorreu na terça-feira e ontem. Os estabelecimentos receberam um total de R$ 920.260,56 em multas. Segundo a Secretaria do Meio Ambiente, entre as irregularidade constatadas está a diferença entre a quantidade de madeira declarada no Documento de Origem Florestal (DOF) - licença obrigatória para o transporte e armazenamento de produtos e subprodutos florestais de origem nativa - e a mantida nos estoques. Na terça-feira, um caminhão procedente do Pará com destino a Naviraí, no Mato Grosso do Sul, foi apreendido em Sorocaba por descarregar a madeira em local não informado no DOF.

ELVIS PEREIRA, Agencia Estado

12 de dezembro de 2007 | 18h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.