Operação deixa ao menos dois mortos na Rocinha

Uma operação de diversas delegacias especializadas da Polícia Civil deixou dois mortos até a manhã de hoje na Favela da Rocinha, em São Conrado, na zona sul do Rio. A Secretaria Municipal de Saúde confirmou que os corpos de dois homens chegaram sem vida ao Hospital Miguel Couto, na Gávea, levados por policiais. Cerca de 200 agentes da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), Divisão de Roubos e Furtos de Automóveis (DRFA), Delegacia de Roubos e Furtos de Carros (DRFC), Delegacia de Combate às Drogas (Decod) e Delegacia de Repressão às Armas e Explosivos (DRAE) participam da operação. Os policiais contam com a cobertura de um helicóptero. Dois supostos traficantes já foram detidos. O comércio no entorno da favela fechou as portas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.