Operação Patrimônio prende mais cinco no RS

Mais cinco pessoas foram presas hoje no Rio Grande do Sul, em investigações paralelas à Operação Patrimônio, deflagrada ontem no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. Em Alvorada, foram cumpridos três mandados de prisão temporária contra duas mulheres e um homem, investigados por estelionato, e duas pessoas foram presas em flagrante portando documento falso - uma delas portava uma espingarda. No total, até agora 67 pessoas foram presas.A quadrilha falsificava documentos para realizar compras, principalmente de telefones celulares, que eram revendidos a outros criminosos e a terceiros. Também foi apurado na investigação a compra de veículos por meio de financiamento e a retirada de automóveis de depósitos públicos, com documentos e procurações falsas. A investigação desta célula criminosa também surgiu a partir da prisão de Sandro Gordo.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agencia Estado

05 de setembro de 2007 | 13h27

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.