Operação prende 224 flanelinhas no Estado do RJ

Durante a "Operação Arrumador", realizada nos dias 5 e 6 de maio, a Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu 224 flanelinhas que exerciam ilegalmente a profissão. A ação teve o objetivo de coibir a prática de extorsão que, segundo a polícia, vem sendo praticada pelos guardadores de carros não autorizados pela prefeitura.

MARCELA GONSALVES, Agência Estado

09 de maio de 2011 | 20h04

Os agentes realizaram as operações na capital e no interior do Estado. Cada delegacia fez imagens da atuação dos flanelinhas como provas que também puderam enquadrá-los em formação de quadrilha. Durante a ação, alguns deles foram presos em flagrante, quando tentavam extorquir os motoristas.

Tudo o que sabemos sobre:
prisãoflanelinhasoperação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.