Oposição consegue aprovar na Câmara convocação de ministros Lobão e Neri Geller

Em mais uma demonstração de força, a oposição na Câmara dos Deputados conseguiu aprovar nesta quarta-feira a convocação dos ministros Edison Lobão (Minas e Energia) e Neri Geller (Agrigultura) para comparecerem em comissão da Casa.

REUTERS

29 de outubro de 2014 | 13h19

A Comissão de Agricultura da Câmara aprovou a convocação de Lobão para que explique a venda de parte da Centrais Elétricas de Goiás (Celg D) à Eletrobras.

Além disso, os integrantes da comissão também aprovaram convocação do ministro da Agricultura, Neri Geller, para prestar esclarecimentos sobre decisão da pasta de transferir a responsabilidade pela realização de provas de controle de qualidade em vacinas contra a febre aftosa.

A comissão ainda analisa a convocação do ministro da Integração, Francisco Coelho Teixeira, para que explique processos de situação de emergência no país. O ministro já se dispôs a comparecer à comissão no dia 13.

Os três requerimentos de convocação foram apresentados por deputados da oposição.

Na terça à noite, a oposição já havia imposto, com o apoio do PMDB, a primeira derrota à presidente Dilma Rousseff após a reeleição, com a derrubada de decreto do Planalto que criava a Política Nacional de Participação Social no plenário da Câmara.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)

Mais conteúdo sobre:
POLITICAMINISTROS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.