Opositor ameaça boicotar 2.º turno

Abdullah Abdullah, candidato opositor nas eleições afegãs, está considerando a possibilidade de boicotar o segundo turno, marcado para o dia 7. Ele exige a troca de alguns funcionários da comissão eleitoral afegã, responsável pela votação. No primeiro turno, o pleito foi marcado por fraudes grotescas, que Abdullah diz tentar evitar.

, O Estadao de S.Paulo

31 Outubro 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.