Órbita da ISS será elevada para acoplagem com Soyuz

O Centro de Controle de Vôos Espaciais daRússia informa que elevará a altura da órbita da EstaçãoEspacial Internacional (ISS) para facilitar o acoplamento da naveSoyuz TMA-9, que chegará à estação com dois cosmonautas e um turista japonês.Na Soyuz TMA-9 viajarão o cosmonauta russo Mikhail Tiurin, oamericano Michael López-Alegria e o milionário japonês DaisukeEnomoto, o quarto turista a visitar o engenho espacial. A manobra para elevar a altura da ISS será realizada no dia 23 eocorrerá por meio da ignição dos propulsores do cargueiroProgress M-56, acoplado à plataforma espacial, segundo um porta-vozdo centro espacial russo. O objetivo é otimizar os parâmetros de vôo da ISS para oacoplamento da nave Soyuz TMA-9, que transportará a 14º expedição decosmonautas, a ISS-14. O lançamento da Soyuz TMA-9 está previsto para 14 de setembro,mas pode ser adiado se a missão da nave americana Atlantis nãocumprir os prazos previstos. A missão da Atlantis está programadapara o período compreendido entre 28 de agosto e 7 de setembro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.