Os destaques do 'Estadão Noite' desta sexta-feira, 21

Os destaques do 'Estadão Noite' desta sexta-feira, 21

Edição exclusiva para tablets está disponível para download a partir de 20h

O Estado de S.Paulo

21 Novembro 2014 | 20h01

O Estadão Noite desta sexta-feira, 21, traz a análise de Sergio Vale, economista chefe da MB Associados, sobre os principais nomes cotados para ministérios. Embora o Planalto tenha adiado o anúncio oficial de novos ministros de Dilma, Joaquim Levy deve ser o próximo ministro da Fazenda, e Nelson Barbosa ficará responsável pelo Planejamento.

Rafael R. Ioris e Fabrício Chagas Bastos, professores da Universidade de Denver (nos EUA) e da Universidade Federal da Grande Dourados, respectivamente, escrevem sobre a situação política no México. Eles explicam como os massivos protestos na capital são fruto da escalada da violência que vem destroçando o país ao longo dos últimos anos.

A correspondente do Estadão em Washington Cláudia Trevisan critica o tardio decreto do presidente dos EUA Barack Obama sobre mudanças no sistema de imigração. O 'pacote' anunciado deve beneficiar cerca de 4 milhões de pessoas que vivem ilegalmente no país, mas não reverterá danos a milhares que já foram expulsos.

Esther Solano Gallego, professora de Relações Internacionais da Unifesp, comenta os dados da Organização Mundial Saúde, que mostram que uma em cada três mulheres no mundo sofre violência conjugal.

O colunista Reginaldo Leme, mais uma vez, escreve sobre a pontuação da Fórmula-1 e quem deve arrancar mais suspiros da torcida.

O leitor pode baixar a edição, exclusiva para tablets, a partir das 20h. Assinantes podem baixar gratuitamente a edição, disponível para Ipad e para aparelhos com sistema operacional Android.

Mais conteúdo sobre:
Estadão Noite

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.