Os filmes marcantes de Clint Eastwood

Lenda de Hollywood, ator e cineasta completa 90 anos neste domingo, 31

Renato Vieira, O Estado de S.Paulo

29 de maio de 2020 | 09h55

O ator e cineasta Clint Eastwood, uma lenda de Hollywood, completa 90 anos no próximo domingo, dia 31. Para recordar seus principais trabalhos, seja em frente às câmeras ou atrás delas, selecionamos seus filmes de maior destaque.

 

Por Um Punhado de Dólares (1964)

Primeiro filme da 'Trilogia dos Dólares', consagrou Clint Eastwood mundialmente. 

Perversa Paixão (1971)

Rodado em apenas um mês, foi a estreia de Eastwood como diretor. Ele interpreta o radialista Dave Garver, perseguido por uma ouvinte.

Perseguidor Implacável (1971)

Dirigido por Don Siegel, amigo de Eastwood, é o primeiro dos cinco filmes em que o ator interpreta o policial Harry Callahan. 

Josey Wales, o Fora da Lei (1976)

Eastwood volta ao Velho Oeste como o personagem título, um fazendeiro que tem a família morta por soldados em meio à Guerra Civil Americana.

Bird (1988)

Fã de jazz, Eastwood dirigiu a cinebiografia do saxofonista Charlie Parker, que foi interpretado por Forest Whitaker. 

Os Imperdoáveis (1992)

Eastwood fez o papel de Will Munny, pistoleiro contratado para caçar um cowboy que desfigurou o rosto de uma prostituta. O filme venceu quatro Oscar.

Na Linha de Fogo (1993)

O ator vive um agente que se culpa por não ter conseguido salvar John F. Kennedy. Trinta anos depois, ele precisa impedir Mitch Leary (John Malkovich) de matar o presidente americano.

As Pontes de Madison (1995)

Também dirigido por Eastwood, o ator contracena com Meryl Streep neste filme que conta a história de um fotógrafo que se envolve amorosamente com uma dona de casa.

Sobre Meninos e Lobos (2003)

Eastwood dirigiu Sean Penn, Tim Robbins, Kevin Bacon e grande elenco neste filme. Pelas performances, Penn e Robbins ganharam respectivamente os Oscars de melhor ator e melhor ator coadjuvante.

Menina de Ouro (2004)

Eastwood é Frankie Dunn, um treinador de boxe. O longa ganhou quatro Oscars, entre eles melhor filme e melhor direção (ambos para Eastwood), melhor ator coadjuvante (Morgan Freeman) e melhor atriz (Swank).

Cartas de Iwo Jima (2006)

Em 2006, Eastwood lançou dois filmes sobre a batalha de Iwo Jima, A Conquista da Honra e Cartas de Iwo Jima. Eastwood foi indicado ao Oscar de melhor diretor por este filme.

A Mula (2018)

Neste filme baseado em uma história real, Eastwood diz ter se despedido das atuações para ficar apenas atrás das câmeras. 

Tudo o que sabemos sobre:
Clint Eastwood

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.