Padre fica ferido em assalto a casa paroquial no PR

Um ladrão assaltou a Casa Paroquial São Judas Tadeu, no Jardim Maria Lúcia, em Londrina, e feriu de forma superficial o padre Antônio Cossari, de 62 anos, com golpes de faca no pescoço e nas mãos, na manhã de hoje. Ele também sofreu uma contusão nas costas ao ser atingido por um banco de madeira. Antes de Cossari chegar, o ladrão mantinha o padre Francisco Walter Azevedo, de 76 anos, e a funcionária da casa, Maria Aparecida Dias Enriques, reféns.

EVANDRO FADEL, Agência Estado

21 Junho 2011 | 19h10

Os ferimentos em Cossari foram causados após ele entrar em luta corporal com o ladrão. O homem, que pegou a faca na cozinha, ficou por cerca de uma hora na casa e já tinha separado alguns objetos eletroeletrônicos, mas acabou deixando o material e fugiu levando apenas um cartão de crédito.

O padre Francisco teve uma crise de hipertensão e, como seu colega, precisou de internamento hospitalar, mas, segundo a arquidiocese, os dois estavam bem. A polícia não tinha pistas do assaltante até o fim da tarde de hoje.

Mais conteúdo sobre:
violência assalto padre ferido Londrina PR

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.