Paes doa terreno no Alemão para jornal comunitário

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, anunciou neste domingo a doação de um terreno no Morro do Adeus, no Complexo do Alemão, para a construção da nova sede do jornal comunitário "Voz da Comunidade", que ganhou notoriedade ao transmitir, por meio de redes sociais, a ocupação do Complexo do Alemão pelas forças de segurança estaduais e federais, em novembro de 2010. Na terça-feira, a redação do jornal foi destruída pelo incêndio no imóvel de três andares onde funcionaria uma pousada do grupo cultural AfroReggae e que também abrigava o "Voz da Comunidade".

VINICIUS NEDER, Agência Estado

21 de julho de 2013 | 16h49

Segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura do Rio, contatos com o editor e criador do "Voz da Comunidade", Rene Silva, já vinham sendo mantidos antes do incêndio. Na visita deste domingo, Paes também promete ajudar na construção da nova sede do jornal, mas não está decidido como isso será feito.

"Hoje o perfeito do Rio, Eduardo Paes, visitou o local onde eu sempre quis construir a história do jornal", escreveu Silva, em seu perfil no Facebook. O terreno fica junto a umas das estações do teleférico do Complexo do Alemão.

Paes também aproveitou a visita para anunciar a intenção de fazer um centro comunitário no lugar onde ocorriam as atividades do AfroReggae no Complexo do Alemão.

No sábado, a entidade anunciou o encerramento de suas atividades no complexo, após receber ameaças na quinta-feira, em seguida ao incêndio - ocorrido na madruga de segunda para terça-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.