Pai acha restos mortais de filho sumido há mais de 1 ano

Terminou de forma trágica a procura de mais de um ano do pai pelo filho desaparecido em Uberlândia, no Triângulo Mineiro. Após a família receber um bilhete afirmando onde o rapaz de 19 anos estaria ao lado de uma rodovia, o pai rumou para o local nesta quarta-feira, 8, acompanhado da Polícia Militar (PM). Ao chegar lá, deparou-se com os restos mortais do jovem dentro de um saco plástico.

RENE MOREIRA, ESPECIAL PARA A AE, Agência Estado

09 de janeiro de 2014 | 18h41

Ele estava próximo a uma árvore às margens da Rodovia BR-497, no Bairro Luizote de Freitas. De acordo com a polícia, o pai reconheceu o filho por meio da bermuda e do par de tênis que usava. Os restos mortais foram encaminhados ao Instituto médico-legal (IML) para exames. Uma das possibilidades apontadas na investigação é de que o crime tenha relação com o tráfico de drogas.

Mais conteúdo sobre:
Desaparecidosaco plástico

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.