Palocci se explicará antes de parecer da PGR, diz Carvalho

O ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci, explicará publicamente o seu aumento patrimonial antes do parecer da Procuradoria-Geral da República (PGR), disse nesta quinta-feira o ministro Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral).

REUTERS

02 Junho 2011 | 15h11

"Não vai esperar (o procurador)", disse Carvalho a jornalistas após evento no Palácio do Planalto. Segundo ele, Palocci irá emitir um comunicado com os esclarecimentos.

Nos últimos dias, cresceu a pressão entre aliados para que Palocci explique publicamente o crescimento de 20 vezes em seu patrimônio, ocorrida entre 2006 e 2010, graças aos ganhos obtidos com uma empresa de consultorias.

O governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), que também participou do evento, defendeu Palocci, mas disse que o ministro "deve sim dar explicações que a sociedade deseja".

Na sexta-feira, o chefe da Casa Civil enviou esclarecimentos à PGR e, na semana passada, já havia apresentado sua defesa durante almoço com senadores petistas e a presidente Dilma Rousseff.

(Reportagem de Hugo Bachega)

Mais conteúdo sobre:
POLITICAPALOCCIEXPLICA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.