Panasonic vai demitir mais 10 mil funcionários

A Panasonic vai despedir mais 10 mil trabalhadores no ano fiscal a ser encerrado em março para reduzir os custos e aumentar a rentabilidade em cerca de 100 unidades, das quais 20 por cento estão dando prejuízo, disse à Reuters o diretor financeiro da maior empregadora comercial do Japão.

Reuters

14 de novembro de 2012 | 08h12

A Panasonic pretende aumentar o lucro operacional para, pelo menos, 200 bilhões de ienes (2,52 bilhões de dólares) no ano fiscal a ser iniciado em abril, afirmou o diretor financeiro Hideaki Kawai na sede da Panasonic, em Kadoma, no Japão.

As novas demissões seguem o recente corte de 36 mil postos de trabalho no último ano fiscal, parte disso através da venda de unidades.

(Por Tim Kelly e Reiji Murai)

Tudo o que sabemos sobre:
TECHPANASONICDEMISSOESLEGAL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.