Pão francês, quando ia morrer, foi resgatado

O pão francês tradicional esteve tão ameaçado que quase morreu. Foi salvo por um decreto presidencial de 1993 que definiu o que pode e o que não pode entrar na receita. A família Poilâne, boulangers há várias gerações, sempre defendeu o pão tradicional. E desde 1930 estava empenhada em recuperar o pão campesino. De tanto insistir, acabou ganhando fama mundial. A herdeira da tradicional padaria parisiense, Apollonia Poilâne, conversou com o Paladar sobre pão de fermentação natural. A farinha é determinante para um bom levain? Para se chegar a um bom levain não basta usar bons ingredientes, mas sim, fazer uma boa maturação. Qual é a proporção ideal de levain em uma massa? Quando se trata de levain nada é absoluto. Acho que é preciso adequar a quantidade de levain ao tipo de pão que se quer preparar. Como se sabe o momento de levar o levain à massa? O ponto de fermentação varia conforme o tipo de pão. Família Poilâne, em Paris, é o nome da tradição. Foto: Divulgação Qual a temperatura ideal para a sala de panificação? Uma temperatura alta, mas não em excesso (entre 20°C e 30°C). A umidade é outro parâmetro muito importante. Umidade em excesso não é nada desejável. Existe um formato ideal para o pão au levain? Para cada tipo de pão há uma forma ideal. Se fizermos pães a partir da mesma massa, mas com formatos diferentes, vamos perceber que tamanho e formato influenciam na fermentação e, portanto, no gosto. Dá para fazer bom pão em casa? Para mim, o forno doméstico jamais substituirá um forno de boulanger - dômico, feito de tijolo e alimentado indiretamente por fogo de madeira -, que contribui muito para a qualidade dos pães. LEIA TAMBÉM A genealogia do pão: fermentos centenários do Bexiga A blogueira francesa com mania de fermento 

O Estado de S. Paulo,

28 Maio 2009 | 11h49

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.