Papa Bento 16 cria departamento no Vaticano para promover o Latim

O Papa Bento 16 criou neste sábado um novo departamento no Vaticano para promover o estudo e o uso do Latim na Igreja Católica Romana e além.

Reuters

10 de novembro de 2012 | 17h06

A missa em Latim antigo foi extinta há mais de 40 anos, em favor das línguas locais, mas o Papa resolveu dar outra chance. O Latim continua sendo a língua oficial da Igreja universalmente.

Segundo o Vaticano, o Papa instituiu a Pontifícia Academia de Estudos do Latim, colocando-a sob os cuidados do Ministério do Vaticano para a cultura.

Em uma carta anunciando o novo departamento, o Papa disse que o Latim foi objeto de renovado interesse em todo o mundo e que o objetivo da academia é incentivar esse crescimento.

Ele disse que seminaristas católicos estudando para o sacerdócio são fracos nos estudos das ciências humanas em geral e no Latim em particular. Eles se beneficiariam de um conhecimento mais profundo da língua e seriam capazes de ler textos antigos da Igreja no original.

Esta é a mais recente tentativa em uma série de papas da época atual de impulsionar o Latim.

(Por Philip Pullella)

Tudo o que sabemos sobre:
VATICANOPAPALATIM*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.