Papa faz missa só para vítimas de abuso sexual na Austrália

O papa Bento 16 fez uma missa particularpara vítimas australianas de abuso sexual por parte declérigos. O encontro, que não havia sido agendado, foi feitoapós o papa pedir desculpas publicamente às vítimas no fim desemana. "Um grupo de vítimas participou de uma missa particular como papa nesta manhã", disse o Vaticano em um comunicado. "Comeste gesto paternal, o Santo Padre quer mostrar mais uma vez oquanto se preocupa com aqueles que sofreram abusos sexuais."O pontífice pediu desculpas publicamente no sábado, véspera desua missa ao ar livre no Dia Mundial da Juventude, em Sydney.Houve 107 condenações por abuso sexual na Igreja Católicaaustraliana, mas grupos de vítimas dizem que pode havermilhares de outros casos. O abuso sexual por integrantes do clero católico ofuscou avisita do papa a Sydney, já que a Igreja Católica australianareabriu um caso de abuso de 25 anos atrás, dias antes dachegada do pontífice. (Por Michael Perry)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.