Papa tem encontro apenas com fiéis argentinos

O papa Francisco está na Catedral Metropolitana do Rio, onde se reúne com 5 mil peregrinos argentinos. Por volta das 12h45, o pontífice começou o pronunciamento direcionado a seus conterrâneos. O encontro com os fiéis argentinos foi um pedido do papa. "Quero que a Igreja vá para as ruas", disse aos peregrinos. A expectativa é de que Francisco permaneça por cerca de 30 minutos no local.

MARIANA DURÃO, Agência Estado

25 de julho de 2013 | 12h52

A entrada dos argentinos foi encerrada por volta das 12h15. Os jovens receberam as boas-vindas de representantes da pastoral da juventude argentina. Eles levantaram bandeirinhas do país e gritaram o nome do papa.

Houve confusão na entrada da imprensa que cobriria o evento. A ordem era liberar apenas jornalistas argentinos, que deviam mostrar a identidade para passar. Só por volta de 11h50 jornalistas brasileiros tiveram sua entrada no local permitida pela polícia militar e pela organização do evento.

Mais conteúdo sobre:
papaargentinos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.