Ed Ferreira|Estadão
Ed Ferreira|Estadão

Para Caiado, Temer deveria rever nomeação de Moreira Franco

Líder do DEM diz que presidente repte atos praticados pelo PT em referência à tentativa de Lula de ir para a Casa Civil

Isabela Bonfim, O Estado de S.Paulo

08 de fevereiro de 2017 | 19h20

BRASÍLIA - Líder do DEM, o senador Ronaldo Caiado (GO), que é da base do governo, afirmou que Michel Temer imita o PT na tentativa de emplacar Moreira Franco como ministro. Na tarde desta quarta-feira, 8, um juiz federal concedeu liminar suspendendo a nomeação para o cargo de ministro-chefe da Secretaria-geral da Presidência da República. 

"Ainda dá tempo de Temer rever essa nomeação e a recriação desse ministério. Caso contrário, irá amargar o mesmo que Lula quando "espertamente" quis virar ministro para ganhar foro", disse Caiado. Para o senador, quando o governo Temer repete atos praticados pelo PT é inevitável que situações como a liminar que barra a nomeação de Moreira Franco aconteçam. "Já vimos esse filme", afirmou. 

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) parabenizou o juiz federal Eduardo Rocha Penteado, da 14ª Vara Federal do Distrito Federal, autor da decisão. Penteado deferiu uma ação popular movida por dois estudantes da Universidade de Brasília (UnB). Segundo Randolfe, ele orientou filiados do partido de outras cidades a também ingressarem com ações populares contestando a nomeação.

"Temos a grata satisfação de parabenizar a decisão do juiz da 14ª Vara Federal daqui de Brasília, que faz jus a nada mais do que o necessário, a suspensão de uma nomeação que não cumpria os pré-requisitos e que contrariava a lógica do próprio Judiciário, já que anteriormente no caso envolvendo o ex-presidente Lula o STF decidiu da mesma forma", disse Randolfe em discurso no plenário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.