Paraisópolis tem segundo incêndio em cinco dias

Um incêndio atinge barracos da Favela de Paraisópolis, na zona sul da capital paulista, desde o começo da tarde desta quarta-feira. De acordo com o Corpo de Bombeiros, as chamas consomem uma área na altura da Rua Deputado Laércio Corte, 500, na Vila Andrade. Nove viaturas foram encaminhadas ao local, mas ainda não há informações sobre a existência de feridos ou sobre o número de moradias afetadas.

FELIPE TAU, Agência Estado

05 Dezembro 2012 | 13h05

Trata-se do segundo incêndio na favela, a maior de São Paulo, em menos de uma semana. O primeiro episódio foi registrado na sexta-feira. Não houve feridos, mas ao menos 50 famílias ficaram desabrigadas. A comunidade tem 788 metros quadrados, 17.159 imóveis e cerca de 80 mil habitantes, segundo estimativa da Prefeitura.

Entre 2007 e 2011, ocorreram mais de 200 incêndios em favelas na capital paulista. A maioria dos inquéritos policiais foi inconclusiva. Por isso, a Câmara Municipal instalou no ano passado uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar os casos. Neste ano, uma série de análises da CPI não avançou por causa da falta de quórum - a maioria dos vereadores estava em campanha política.

Mais conteúdo sobre:
incêndio Paraisópolis

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.