Parlamento do Irã convoca Ahmadinejad sobre política econômica

O parlamento do Irã disse ao presidente Mahmoud Ahmadinejad neste domingo que ele precisa comparecer ao parlamento antes de uma assembleia que ocorre daqui um mês, para explicar sua política econômica em tempos de crise, em sua segunda convocação em menos de um ano.

Reuters

04 de novembro de 2012 | 09h44

Rivais conservadores de Ahmadinejad na assembleia de 290 assentos têm criticado duramente o tratamento da crise econômica e culpam tanto sua má gestão como as sanções do Ocidente devido ao polêmico programa nuclear iraniano.

Os problemas econômicos têm diminuído as exportações de petróleo, exacerbando as divisões dentro do sistema de facções na política do Irã, apesar dos apelos de líder supremo aiatolá Ali Khamenei para que os representantes parem com as brigas.

A petição foi assinada por 77 legisladores, disse a agência de notícias iraniana, e será entregue ao presidente no domingo.

(Por Yeganeh Torbati)

Tudo o que sabemos sobre:
AHMADINEJADECONOMIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.