Parte do teto de avião da Gol cai em Congonhas

Parte do teto de um Boeing 737-800 da Gol caiu na noite de ontem sobre os passageiros, durante pouso no Aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo. Houve pânico, segundo o relato de um passageiro que preferiu não se identificar.

AE, Agência Estado

27 de abril de 2011 | 09h31

Vindo de Salvador, o voo G3 1399, tocou o solo às 20h04 - com atraso de 48 minutos. O passageiro contou que ao pousar a aeronave "deu um solavanco" e, nesse momento, o teto despencou. Ele detalhou que o incidente atingiu principalmente a parte traseira do avião, expondo fiações, máscaras de oxigênio e parte da fuselagem. "As crianças começaram a chorar e houve pânico." Ainda de acordo com ele, o comandante tentou acalmar os passageiros pelo sistema de comunicação da aeronave. "Pediu desculpas e explicou que o problema ocorrera por causa de uma falha no trem de pouso."

Procurada pela reportagem, a Gol confirmou que a aeronave apresentou "uma vibração" após a aterrissagem. "O movimento fez deslocar painéis de iluminação sobre algumas poltronas, sem apresentar risco à segurança operacional", informou em nota. O desembarque - dos 144 passageiros - ocorreu sem transtornos e o equipamento foi retirado de linha para inspeção. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Mais conteúdo sobre:
incidenteaviãoGoltetoCongonhas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.