Partido pró-UE vence eleição sérvia sem maioria

O partido sérvio pró-União Européiaobteve uma "vitória muito convincente" sobre o partidonacionalista nas eleições do domingo, mas ficou longe de umamaioria no governo, disseram observadores. O Partido Democrático do presidente Boris Tadic e doispequenos aliados conseguiram 39 por cento dos votos contra 28,6por cento do partido dos nacionalistas radicais do líder daoposição Tomislav Nikolic, afirmou uma organizaçãoindependente. O comparecimento às urnas foi estimado em 60,7 por cento. A projeção daria à coalizão de Tadic um total de 103cadeiras na Assembléia de 250 lugares, segundo analistas. Mas oPartido Radical de Nikolic pode se unir a partidos com idéiassimilares que juntos teriam 48,4 por cento dos votos. "Essa é uma grande vitória", disse o ministro da Defesa,Dragam Sutanovac, do partido de Tadic. "Mostra que os sérviosquerem uma Sérvia Européia." Os países ocidentais deixaram claro que esperavam que opartido de Tadic vencesse as eleições, mas as pesquisasmostravam os Radicais à frente em quase todos os estágios dacampanha. Uma autoridade da organização de monitoramento ZoranLucic disse: "Os resultados são muito surpreendentes." Os radicais disseram que nos oitos anos desde a queda deSlobodan Milosevic, a aceitação do Ocidente e das durasreformas de mercado trouxeram apenas humilhação e pobreza paraos sérvios. Eles querem congelar a participação na UE e retomarKosovo. A maioria albanesa da província declarou independênciacom o apoio da UE em fevereiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.