Passageira passa a noite no Aeroporto de Viracopos

A costureira Jacira Bernardo de Oliveira, de 46 anos, passou a noite de sábado para domingo (14) no Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), que teve os voos cancelados desde as 19h55 de sábado em razão da interdição da pista por um avião cargueiro acidentado. Por volta das 20 horas, ela estava fazendo o check in para pegar o voo da Azul com destino a Natal, onde visitaria uma tia doente, quando foi informada do cancelamento do voo.

JOSÉ MARIA TOMAZELA, Agência Estado

14 de outubro de 2012 | 21h05

De acordo com a passageira, a empresa orientou para que esperasse, pois talvez a pista fosse liberada. Jacira mora em São Paulo, mas resolveu esperar uma definição. "Ficaram enrolando e, quando finalmente disseram que não haveria o voo e me ofereceram viagem de ônibus até a Barra Funda, já era quase uma da manhã e não teria metrô até a minha casa".

Ela passou a noite toda sentada no terminal. No dia seguinte, às 6 horas, tomou um ônibus da Azul e foi para casa. Sem conseguir falar com o call center da empresa, na tarde deste domingo ela retornou a Viracopos. "Fiquei com receio de perder a passagem, caso o voo saísse". Às 20h30 deste domingo, ela não tinha conseguido saber se iria para Natal. Um amigo de Jacira, o funcionário público Ailton Saraiva, estava na mesma situação. A diferença é que ele tomou o ônibus da Gol até São Paulo e, do terminal Barra Funda, foi para casa de táxi.

O aeroporto de Viracopos continua fechado na noite deste domingo e ainda não há previsão para ser liberado. Os pousos e decolagens estão suspensos desde as 19h55 de sábado, quando um cargueiro apresentou problemas durante o pouso e ficou parado na pista.

A Azul informou que, em razão do fechamento de Viracopos, cancelou 148 voos previstos neste domingo. Os clientes da Azul podem confirmam a situação do seu voo por meio do telefone 4003-1118, do site www.voeazul.com.br ou diretamente nas lojas da companhia aérea.

Tudo o que sabemos sobre:
Viracoposacidentepassageira

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.