Pasta busca nova droga

Pacientes com doença de Gaucher não metabolizam corretamente as gorduras, que se acumulam nas células. A falha ocorre porque há deficiência na enzima glicocerebrosidade, que digere a gordura. Quando não corretamente tratado, o problema causa anemia, sangramento, manchas roxas, problemas no fígado e no baço. Há três remédios. O mais antigo e mais usado no Brasil é a imiglucerase, que repõe a enzima. A taliglucerase alfa, também disponível no País, age da mesma forma. A terceira droga, o miglustate, em vez de repor a enzima, recolhe a gordura que não foi quebrada. O Ministério da Saúde negocia a compra do remédio.

O Estado de S.Paulo

18 Abril 2012 | 03h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.