Pastiera di grano

Sobremesa - Marina di Vietri

03 de dezembro de 2009 | 15h23

Anna Angotti & Demian Takahashi: Muito massudo, rude e seco. Bateu uma saudade da pastiera da pizzaria Speranza...Blog Alho, Passas e Maçãs: Uma pastiera tradicional, um pouco mais pesada e mais doce do que poderia ser e com um pouco menos de grãos e frutas cristalizadas do que deveria ter. Não deixa, no entanto, de ser um doce agradável e de preço justo, capaz de encerrar a refeição com honestidade, tranqüilidade e sem maiores pretensões.Braulio Pasmanik: A pastiera servida não era fresquinha. A massa estava murcha, com gosto de geladeira. Pena, pois já comi a mesma em outras ocasiões e gostei!Jacques Trefois: Não sei se estava velha de vários dias guardada na geladeira. Mas essa pastiera, geralmente uma bem agradável sobremesa, estava muito fria totalmente seca e, as frutas cristalizadas, muito duras.Janaina Fidalgo: Ressecada, insossa. Dá perfeitamente para viver sem ela.Luiz Horta: Apenas uma pastiera, meio pesadona e insossa. Bem feita mas não é meu tipo de sobremesa.Neide Rigo: A pastiera decepcionou um pouco. Embora estivesse saborosa, alguns grãos de trigo estavam extremamente endurecidos como pedrinhas e tiveram que ser retirados um a um da boca - sorte que eles eram poucos.Patrícia Ferraz: Estava bem ruim, seca, com sabor rançoso. Parecia ter sido feita uma semana antes.Roberto Smeraldi: Se diz que os ingredientes principais da pastiera sejam amor e paciência, e parece que o cozinheiro do Marina os possui. Trigo e água de flores de laranja estão OK. A ricota um pouco seca, a baunilha parece sintética, como quase em todo lugar hoje em dia. Mas é uma pastiera pelo menos honesta.Silvio Giannini: A tradicional receita de pastiera di grano do despretencioso Marina di Vietri surpreende. Tem maciez e frescor de quem soube produzir segundo o timing de consumo de seus clientes. Ou seja, provei uma pastiera "fresca" e não desitratada, daquele tipo que repousa há dias na expectativa do desejo de algum cliente. Ela também me chamou a atenção por levar muito menos açúcar que as pastieras que encontramos em outros restaurantes da cidade. Pontos para ela. Não leva o prêmio mas merece estar presente na elite do prêmio Paladar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.