Pedidos de impeachment chegam a 9

O nono pedido de impeachment contra o governador José Roberto Arruda (DEM) e o vice Paulo Octávio (DEM) será protocolado segunda-feira pela Ordem dos Advogados do Brasil na Câmara Legislativa. A OAB do DF decidiu, por 31 votos a 1, reforçar o movimento pela saída de ambos.

FELIPE RECONDO, O Estadao de S.Paulo

04 Dezembro 2009 | 00h00

Ontem deram entrada mais dois - um feito pelo ex-deputado Chico Vigilante e outro pelo PSB, que também vai abrir processo no Conselho de Ética por quebra de decoro parlamentar contra o deputado distrital Rogério Ulysses, envolvido no escândalo.

Outros seis já foram instaurados. Anteontem, com seis deputados em plenário, o mínimo necessário para ocorrer sessão, a Câmara Legislativa deu início ao processo de impeachment contra o governador.

Duas ações foram enviadas pelos advogados Evilásio dos Santos e Anderson Siqueira. Na manhã de quarta-feira, o PSOL e a Ordem dos Ministros Evangélicos do Gama entraram com outros dois processos. E, à tarde, a CUT e o PT levaram à Câmara mais dois pedidos de impedimento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.