Petrobrás terá de pagar R$ 102 milhões

A Petrobrás, o Ministério Público Federal, o Ministério Público Estadual do Paraná e o Instituto Ambiental do Paraná assinaram acordo judicial que encerra duas ações por danos ambientais que se arrastavam desde 2002. O motivo era o vazamento de 57 mil litros óleo diesel de um poliduto que liga a Refinaria Presidente Getúlio Vargas, em Araucária, ao Terminal de Paranaguá, em fevereiro de 2001. A Petrobrás se comprometeu a pagar R$ 102 milhões como indenização - um valor 97% menor que o pedido inicialmente. / HERTON ESCOBAR e EVANDRO FADEL

O Estado de S.Paulo

28 Abril 2012 | 03h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.