Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

PF acha 26 pessoas em situação de escravidão em SP

A Polícia Federal (PF) prendeu ontem três pessoas responsáveis por submeter trabalhadores a condições análogas à escravidão na região de Campinas, interior de São Paulo. Os 26 trabalhadores foram trazidos de Gonçalves Dias, no Maranhão, e descobertos após a Guarda Municipal de Campinas receber denúncia anônima. Eles estavam morando em local impróprio e sem receber pagamento. No dia da operação, a PF também apurou que não havia sido oferecida nenhuma refeição até sua chegada.

EQUIPE AE, Agência Estado

23 de fevereiro de 2011 | 18h27

Os trabalhadores foram aliciados por representante da empresa FKRJ com a promessa de trabalharem para a empresa Goldfarb em obra da Pirelli. O transporte até Campinas foi feito em ônibus clandestino. Os três membros da empresa FKRJ encontrados no local foram presos em flagrante.

Tudo o que sabemos sobre:
trabalhoescravidãoPFCampinasSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.