PF age contra venda de diplomas falsos em 14 estados

A Operação Cola, deflagrada hoje pela Polícia Federal em 14 estados brasileiros contra a venda de diplomas universitários falsos, via internet, vai cumprir 34 mandados de busca e apreensão, em 54 endereços nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Espírito Santo, Pernambuco, Maranhão, Acre, Pará e Bahia.Os diplomas falsos seriam vendidos a preço médio de R$ 1.800 cada um, a diversos clientes, em todo o País, que os solicitavam via web. De acordo com a Polícia Federal, os diplomas, entre eles de Medicina, Engenharia, Direito, Enfermagem e Fisioterapia, eram confeccionados em Tangará da Serra, no Mato Grosso. As equipes estão recolhendo os diplomas falsos, documentos, e computadores utilizados na falsificação e comercialização dos mesmos em endereços residenciais e comerciais dos suspeitos.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agencia Estado

14 de março de 2008 | 10h22

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.