PF denuncia desvio de mais de R$ 3 bi a partir de 2000

Um estudo de peritos da Polícia Federal indicou que boa parte dos desvios de verbas públicas decorre de obras superfaturadas. Levantamento efetuado em 320 laudos periciais realizados a partir do ano 2000 aponta desvios de recursos federais num montante próximo a R$ 3,2 bilhões. A divulgação desses dados fazem parte da estratégia da categoria para anunciar o objetivo de aprimorar metodologias e integrar peritos criminais federais que atuam na área de Engenharia Civil.Entre 15 e 19 de outubro será realizado em Florianópolis (SC) o IV Seminário de Perícias de Engenharia Civil, que reúne peritos criminais federais da Polícia Federal e convidados de outros órgãos de auditoria, fiscalização e controle de obras públicas federais como Tribunal de Contas da União (TCU), Controladoria Geral da União (CGU), Caixa Econômica Federal, Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (Dnit) e representantes da Justiça Federal e do Ministério Público Federal.

MILTON F.DA ROCHA FILHO, Agencia Estado

12 de outubro de 2007 | 08h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.