PF faz ação contra combustível adulterado em MG e RJ

A Polícia Federal (PF) iniciou hoje a Operação Mão Invisível, em que pretende cumprir cerca de 20 mandados de prisão e 42 de busca e apreensão na região metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais, e na cidade do Rio de Janeiro. O objetivo é desarticular um esquema de adulteração de combustível.Participam da ação 250 agentes da Polícia Federal, além de integrantes do Ministério Público e da Secretaria de Acompanhamento Econômico de Minas Gerais. Segundo a Rádio CBN, até o início desta manhã, oito pessoas já haviam sido presas. Contudo, a assessoria de imprensa da PF não confirmou as prisões.

ELVIS PEREIRA, Agencia Estado

03 de julho de 2008 | 09h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.