PF prende em Santos sérvio procurado pela Interpol

A Polícia Federal prendeu em Santos um sérvio que constava na lista de procurados internacionais da Interpol e chegou a abrir um restaurante no litoral paulista, informou a PF de São Paulo na quinta-feira.

REUTERS

20 de janeiro de 2011 | 18h36

A prisão de F.G., de 31 anos, ocorreu na quarta-feira. Ele permanecerá preso enquanto aguarda o processo de extradição que tramita no Supremo Tribunal Federal a pedido do governo da Sérvia.

O sérvio foi condenado a uma pena de 40 anos de prisão em seu país por latrocínio.

"Ele teria praticado crime de latrocínio, junto com outras duas pessoas, durante o roubo a uma empresa no ano de 1998. Após a condenação, o estrangeiro fugiu", disse a PF em comunicado.

"No Brasil, utilizando-se do nome falso de Edin Lipa, o sérvio foi proprietário do restaurante Gringo's na cidade de São Vicente, além de ter trabalhado também em uma loja de automóveis na cidade de Praia Grande."

Segundo a PF, o sérvio vivia com uma brasileira, com quem teve uma filha.

Tudo o que sabemos sobre:
GERALSERVIOPRESO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.