Piloto de parapente é resgatado em rocha no Rio

A intensidade e a direção do vento no Rio fizeram com que três pilotos de parapente enfrentassem dificuldades ao pousar, nesta sexta-feira, 27. Eles sempre planejam descer na praia, mas acabaram pousando em outros lugares. Nenhum deles se feriu.

FÁBIO GRELLET, Agência Estado

27 de setembro de 2013 | 17h32

Um dos pilotos ficou preso nas pedras do costão da Avenida Niemeyer, em São Conrado (zona sul), e precisou ser resgatado pelos bombeiros. Outro piloto também caiu na mesma região, mas não precisou de resgate. Os bombeiros foram acionados por testemunhas da queda, mas, quando chegaram ao local o piloto já havia ido embora por conta própria.

O terceiro piloto pousou em um matagal próximo ao túnel Zuzu Angel, que liga a Gávea a São Conrado. Ele não se feriu nem precisou de auxílio dos bombeiros.

Mais conteúdo sobre:
parapentesquedaRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.