Pimenta Neves é transferido para Tremembé-SP

O jornalista Antonio Marcos Pimenta Neves, de 74 anos, deu entrada nesta tarde, por volta das 15h30, na Penitenciária de Tremembé. Ele havia passado a noite na carceragem do 2º Distrito Policial (DP), da capital paulista, após se entregar na noite de ontem. Um veículo da divisão de capturas da Polícia Civil transferiu o jornalista para o cumprimento da pena de 15 anos.

MARCELA GONSALVES, Agência Estado

25 de maio de 2011 | 17h26

Segundo informações da Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), Pimenta Neves permanecerá inicialmente em regime de observação, não podendo conceder entrevistas. Nesse período, só poderá receber visitas de seu advogado.

Pimenta Neves foi condenado pela morte da ex-namorada, a também jornalista Sandra Gomide. O assassinato ocorreu em 20 de agosto de 2000, em um haras na cidade de Ibiúna (SP). Na época do crime, o casal tinha rompido um relacionamento de quase três anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.