Planeta

Cientistas divulgam estudo sobre Código Florestal

, O Estado de S.Paulo

24 de abril de 2011 | 00h00

As principais entidades que representam a ciência no Brasil divulgam amanhã, em Brasília, suas contribuições para o debate sobre as alterações no Código Florestal.

A Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e a Academia Brasileira de Ciências (ABC) formaram um grupo de trabalho que analisou as principais questões relativas ao Código.

As conclusões foram reunidas em um documento científico que será entregue ao longo da semana aos presidentes da Câmara e do Senado e aos ministros da Casa Civil, da Agricultura, do Meio Ambiente, da Ciência e Tecnologia, da Educação e da Integração Nacional.

MÉXICO

Dez espécies sumiram na última década

Oito espécies de cobras, uma espécie de rã e uma de salamandra desapareceram das matas da região de Los Tuxtlas, no México. Segundo a Universidade Autônoma do México, nos últimos dez anos essas espécies não foram mais vistas. O desmate é apontado como o principal motivo da perda de biodiversidade. /ANDREA VIALLI, com EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.