PMDB conquista maioria de vagas para Senado nas eleições

O PMDB conquistou o maior número de vagas para o Senado Federal nas eleições deste domingo, elegendo cinco senadores entre os 27 escolhidos para compor um terço das cadeiras da Casa. PSDB e PDT aparecem na sequência, elegendo quatro senadores cada.

REUTERS

05 de outubro de 2014 | 23h05

O PMDB, do vice presidente da República Michel Temer, elegeu Rose de Freitas (ES), Simone Tebet (MS), José Maranhão (PB), Dário Berger (SC) e Katia Abreu (TO).

Já o PT, da presidente Dilma Rousseff e aliado do PMDB, elegeu apenas dois senadores: Paulo Rocha (PA) e Fátima Bezerra (RN).

Pelo PSDB, do candidato à presidência Aécio Neves, venceram Tasso Jereissati (CE), Antônio Anastasia (MG), Álvaro Dias (PR) e José Serra (SP). O PDT elegeu José Reguffe (DF), Lasier Martins (RS), Acir Gurgacz (RO), Telmário Mota (RR).

O DEM e o PSB elegeram três senadores cada. Davi Alcolumbre (AP), Ronaldo Caiado (GO) e Maria do Carmo (SE) foram eleitros pelo DEM e o pelo PSB venceram Roberto Rocha (MA), Fernando Bezerra (PE) e ex-jogador de futebol Romário (RJ).

O PTB elegeu Fernando Collor (AL) e Elmano Férrer (PI). O PR venceu com Wellington Fagundes, no Mato Grosso, e o PP venceu no Acre com Gladson Cameli.

(Por Anna Flávia Rochas, edição Alberto Alerigi Jr.)

Mais conteúdo sobre:
ELEIES2014SENADONOVO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.