PMDB obtém 7 governos estaduais, seguido por PSDB e PT

O PMDB foi o partido mais vitorioso nas eleições estaduais deste anos, conquistando nas urnas os governos de sete Estados, seguido por PSDB e PT.

REUTERS

26 de outubro de 2014 | 22h11

O PMDB, partido do vice-presidente da República, Michel Temer, que já havia eleito quatro governadores no primeiro turno, conquistou o governo de mais três Estados neste domingo: Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Rondônia. Com o resultado, um dos maiores partidos do país e mais pulverizado passa a comandar sete unidades da Federação.

O PSDB, que já havia conseguido reeleger no início de outubro seus governadores no Paraná e São Paulo, importante colégio eleitoral, obteve mais três vitórias neste domingo, totalizando 5 governadores eleitos.

O PT, que na primeira rodada de votações elegeu seu candidato ao governo de Minas Gerais --o segundo maior colégio eleitoral do país e até então reduto do PSDB-- e em outros dois Estados, obteve mais duas vitórias em disputas neste domingo, totalizando cinco governadores.

O PSB elegeu os governadores do Distrito Federal e da Paraíba neste domingo e já havia ganho a disputa estadual de Pernambuco no primeiro turno.

Nas eleições de 2010 era o PSDB quem liderava o ranking, com oito governadores eleitos, seguido do PSB, com seis, e do PMDB e PT, empatados com cinco.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello, em Brasília, e Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.