PMs usam bombas de gás para conter tumulto na Praia de Ipanema

Confusão começou quando banhistas agrediram um homem acusado de roubar quem estava na areia, próximo ao Posto 9

CLARISSA THOMÉ, Estadão Conteúdo

14 Setembro 2014 | 18h49

Policiais Militares lançaram bombas de gás lacrimogêneo para conter um tumulto nas areias da Praia de Ipanema, neste domingo, 14. Pelo menos 30 pessoas foram levadas para a 14.ª Delegacia de Polícia (Leblon), acusadas de roubo, furto, desacato e desobediência, informou o comando do 23.º Batalhão de Polícia Militar. Entre os detidos, havia menores de idade.

Este foi o primeiro fim de semana da Operação Verão, antecipada em três meses - 650 PMs reforçaram o patrulhamento na orla.

A confusão começou por volta das 16h30, quando banhistas agrediram um homem acusado de roubar quem estava na areia, próximo ao Posto 9. Quando os PMs tentaram deter o suposto assaltante, amigos dele intervieram. Teve início, então, uma briga. Os PMs lançaram as bombas de gás para conter a confusão. Houve pânico e correria entre os banhistas que estavam perto do tumulto.

Banhistas contaram que ao longo de todo o dia grupos andavam entre aqueles que tomavam sol para furtar os pertences. Houve casos de banhistas agredidos até mesmo dentro da água e obrigados a entregar objetos como óculos, relógios e carteiras.

A Polícia Militar informou que divulga nesta segunda-feira, 15, o balanço do primeiro fim de semana da Operação Verão, que reuniu policiais dos batalhões de Botafogo, Flamengo, Copacabana, Leblon e Ipanema, do Batalhão de Choque, do Batalhão de Ações com Cães e de recrutas do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (Cfap).

Além da orla, ruas próximas à praia e bairros como a Lagoa também receberam reforços policiais, que patrulharam a região com quadriciclos e motos. Os policiais do Choque estavam equipados com armas não letais.

Mais conteúdo sobre:
PMstumultobombas de gás

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.