Imagem Luiz Horta
Colunista
Luiz Horta
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Poeta e cozinheira

Maureen Evans é companheiro de um dos arquitetos do Twitter e foi a primeira pessoa a usar a ferramenta para publicar receitas

Luiz Horta,

30 Abril 2009 | 17h20

Primeira pessoa a twittar receitas, a irlandesa Maureen Evans é estudante de literatura, poeta e internauta. Acompanhou de perto a criação do Twitter porque seu companheiro foi um dos arquitetos do projeto. Ela vive num pequeno castelo na Irlanda e se tornou celebridade há uma semana, desde que foi citada por reportagem do The New York Times. Contatada por twiter, respondeu ao Editor-assistente de Paladar, Luiz Horta, por e-mail. Como chegou a ter tantos leitores? Quando comecei, amigos em São Francisco escreviam blogs influentes. Por causa dos posts deles sobre @cookbook, eu rapidamente atrai 3 mil seguidores. Esse número chegou a 6 mil, neste ano. Mas nessa última semana atingi 12 mil seguidores, nem acredito. Uma receita de 140 toques dá certo para leigos? Tento incluir as informações necessárias, para que com o mínimo de noção, a receita dê certo. Mas admito que elas são mais interessantes para quem conhece cozinha. A avó do Blaine é uma fã e ela diz que gosta das receitas porque elas contém só a informação que ela precisa, nada além. Acima de qualquer coisa, gosto de pensar que essas receitas, em sua simplicidade, são adaptáveis a cada nível de cozinheiro. Cada um, experiente ou não, precisa ter pouca paciência para interpretar uma receita inteira no tweet. Você está em panico com sua celebridade repentina? Sou poeta, acostumada a trabalhar em total obscuridade, então, sim, um pouco. Também, queria agradecer tanta gente pelas palavras simpáticas sobre o @cookbook, mas tem sido impossível responder às centenas de mensagens recebidas na última semana. Alguma reclamação sobre receitas ou elas são sempre compreensíveis e úteis? Meus seguidores de muito tempo avisam quando eu esqueço um ingrediente ou instrução, mas em geral sou naturalmente cuidadosa. Você tem planos de criar um glossário? Escrever um livro? Um glossário já está disponível em http://cookbookglossary.pbworks.com/ - é "wiki", então se alguém quiser contribuir ou traduzir o conteúdo, é um projeto aberto. A idéia de escrever um livro já surgiu. Na vida sempre se diz "faça o que gosta e o resto virá". Se isso tudo originar um livro, aviso. Como estudante de literatura você acredita que essa forma vai se expandir para livros, entre outros temas ligados a escrita como sua poesia, por exemplo? O Twitter é a nova forma de haiku? Acredito que há espaço e propósito para uma ampla variedade de poesia no nosso mundo. Também acho que se alguém tentar trazer poesia para sua vida usando Twitter está perdendo o significado verdadeiro. A sério, porém, a web está se tornando o melhor meio para experimentação literária, enquanto tecnologia de pequena Imprensa está melhorando a cada dia. Quem sabe para onde

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.