Polícia apreende armas e drogas em ação em Santos-SP

As polícias civil e militar de São Paulo realizaram duas ações distintas em morros de Santos, na Baixada Santista, entre noite de ontem e a manhã de hoje. As ações aconteceram para coibir o tráfico de drogas. No morro do José Menino, houve troca de tiros entre a PM e os bandidos. A ação da PM no morro do José Menino começou por volta das 18h40, quando homens das Rondas Ostensivas Com Apoio de Motocicletas (ROCAM) subiram o morro e foram recebidos a tiros por sete indivíduos que perceberam a chegada da polícia.

REJANE LIMA, Agência Estado

28 de janeiro de 2011 | 19h29

De acordo com a PM, os policiais reagiram aos tiros, mas ninguém ficou ferido e os bandidos conseguiram fugir pelo matagal, abandonando armas e entorpecentes. Foram apreendidos um revólver calibre 38 da marca Taurus, com dois projéteis deflagrados e quatro cápsulas íntegras, 35 pequenas porções de maconha (66,8 gramas), uma pedra de crack (0,5 grama), um tablete de maconha (73,2 gramas), um saco contendo pó branco com aparência de cocaína (18,3 gramas), dois aparelhos de telefone celular, material este localizado após varredura empreendida pelos policiais militares.

Já a operação da Polícia Civil aconteceu no morro do Tetéu, no bairro da Caneleira, após uma semana de investigação da equipe do 5º Distrito Policial de Santos. Acompanhada de oficiais do Grupo de Operações Especiais (GOE), a equipe apreendeu três uniformes camuflados do Exército Brasileiro, três frascos de lança perfume e um coldre na casa de um suposto envolvido com o tráfico do morro.

Os donos do material apreendido não foram encontrados, mas a polícia já havia indiciado na mesma investigação Fábio Junior Rodrigues Lopes, de 25 anos, por envolvimento com o tráfego. A investigação prossegue e a polícia pretende prender outros envolvidos com a criminalidade no local nas próximas semanas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.