Polícia de Santos (SP) procura presas foragidas

Das 40 presas que fugiram, ontem, às 11h45, da superlotada carceragem da Cadeia Pública Feminina de Santos, litoral sul paulista, pelo menos 30 já haviam sido recapturadas até o início da noite deste domingo.A fuga ocorreu após as detentas renderem uma agente carcerária, que teve a arma tomada. Na fuga, uma das presas atirou contra policiais militares e foi baleada em um dos pés. Em seguida, foi encaminhada ao pronto-socorro municipal central.Um revólver calibre 38 foi apreendido pela PM. Situada no bairro do Jabaquara, a cadeia feminina, ao lado do segundo Distrito Policial, foi construída para abrigar 60 presas, mas possui mais de 180 mulheres.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.