Polícia detêm 132 por urinar nas ruas do Rio

Ao menos 132 pessoas foram levadas neste fim de semana para delegacias do Rio de Janeiro por terem urinado nas ruas da cidade durante os desfiles dos blocos de Carnaval. As detenções ocorreram durante a operação Choque de Ordem, realizada desde a noite de sexta-feira por agentes da Secretaria Especial da Ordem Pública (Seop) com apoio de guardas municipais, nos desfiles dos blocos de rua.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agência Estado

27 de fevereiro de 2011 | 15h13

Ontem, durante o desfile do bloco Imagino Agora Amassa, no Leblon, 33 foram levados para a delegacia. No desfile do Simpatia Quase Amor, em Ipanema, 27 pessoas foram conduzidas para a 14ª Delegacia de Polícia (Leblon). Na noite de sexta-feira, durante o desfile do bloco Cordão da Bola Preta, no centro, foram detidas 72. Eles foram levados para a 5ª DP (Mem de Sá).

Na fiscalização, 148 veículos foram rebocados e 438 multados por estacionamento irregular em vários pontos da cidade onde aconteceram desfile de blocos. Agentes de Controle Urbano da Seop apreenderam com ambulantes não autorizados 300 tirinhas de cachaça. Segundo a prefeitura, foram disponibilizados aos foliões o triplo de banheiros químicos se comparado ao carnaval passado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.