Polícia deve indiciar 2 da Infraero por acidente da TAM

Dois funcionários da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero) foram intimados a comparecer ao 15º Distrito Policial, no Itaim Bibi, para serem indiciados pelo acidente com o Airbus A320 da TAM, em julho de 2007, no Aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP), Agnaldo Molina Esteves e Esdras Ramos, funcionários que avaliaram e liberaram a pista do Aeroporto de Congonhas para o pouso do Airbus, deverão comparecer à delegacia hoje. A ex-diretora da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) Denise Abreu só não foi indiciada hoje, segundo a SSP, pois está fora da cidade e deve retornar apenas no dia 27, de acordo com seu advogado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.