Polícia diz que morte de Daleste foi premeditada

O atirador que matou o funkeiro Daniel Pellegrine, de 20 anos, o MC Daleste, durante show no sábado, 6, em Campinas (SP), agiu de forma premeditada e era alguém com conhecimento no uso de armas. A polícia continua trabalhando com a hipótese de vingança por crime passional ou desavença.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.