Divulgação
Divulgação

Nove suspeitos são presos em operação de busca a criminosos que atiraram em policial

Marzio Deon Resende foi baleado na Rodovia Washington Luiz na manhã de sábado

Clarice Cudischevitch, O Estado de S.Paulo

14 Agosto 2016 | 14h41

Nove suspeitos foram presos em uma operação da Polícia Rodoviária Federal e do Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. A ação teve o objetivo de localizar os responsáveis por atirar em um policial na manhã de sábado. Marzio Deon Resende foi baleado na Rodovia Washington Luiz (BR-040), em seu carro, depois de deixar o plantão.

A ação da PRF e do Bope para encontrar os criminosos começou na noite deste sábado e se encerrou nesta tarde com um cerco às comunidades Parque das Missões e Beira Mar. Além da prisão de nove suspeitos, as equipes apreenderam seis veículos roubados e adulterados.

De acordo com a PRF, no entanto, os presos não têm ligação com o caso do policial baleado, e todos os suspeitos de envolvimento na ação criminosa já foram identificados. As buscas para encontrá-los continuarão por tempo indeterminado. Foram utilizados dois helicópteros da PRF na ocupação das comunidades.

Marzio Deon Resende foi levado ao Hospital Getúlio Vargas, na Penha, zona norte, e em seguida transferido para o Hospital Estadual Alberto Torres, em São Gonçalo, na região metropolitana do Rio. A direção do hospital informou que seu estado de saúde continua grave.

PARTICIPE

Quer saber tudo dos Jogos Olímpicos do Rio? Adicione o número (11) 99371-2832 aos seus contatos, mande um WhatsApp para nós e passe a receber as principais notícias e informações sobre o maior evento esportivo do mundo através do aplicativo. Faça parte do time "Estadão Rio-2016" e convide seus amigos para participar também!

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.